Precisa de ajuda?

Coloque a sua pergunta abaixo para obter uma resposta.

Como posso proativamente proteger-me de fraudes?

A Revolut garante a sua proteção contra crimes financeiros, fornecendo salvaguardas, avisos e medidas que pode tomar para manter o seu dinheiro seguro.

Aqui estão algumas das formas como a Revolut protege contra crimes financeiros e deteta ou impede que os burlões acedam ao seu dinheiro:

  • Ao fazer compras online, se a verificação da operação for solicitada pelo comerciante, enviamos uma notificação que lhe pede que abra a app e confirme o pedido antes de o pagamento poder avançar;
  • Ao enviar fundos para um novo beneficiário, iremos pedir-lhe que confirme que conhece e confia no recipiente dos fundos antes de a operação poder avançar. Se detetarmos que o pagamento pode ser uma fraude, iremos enviar avisos pela app, que nunca deverá ignorar;
  • Também oferecemos funcionalidades como cartões virtuais descartáveis (cartões virtuais de uso único que podem ser usados para compras online, e uma vez que pague os dados do cartão são eliminados para que não possam ser clonados ou reutilizados por criminosos);
  • Oferecemos uma revisão das operações diretamente na app, bloqueio automático de operações suspeitas e do cartão relevante (que os clientes podem imediatamente desbloquear se a operação for segura, em vez de encomendarem um cartão novo);
  • Não se esqueça que a Revolut nunca irá entrar em contacto pelo telefone consigo sem nos identificarmos primeiro;
  • Reveja cuidadosamente os alertas e informações que oferecemos quando o sistema de segurança automatizado identifica atividade fraudulenta suspeita. Leve o seu tempo para deliberar sobre a situação antes de tomar uma decisão, e entre em contacto connosco caso tenha alguma dúvida.
  • Nunca ignore os avisos da app, em especial se alguém exercer pressão sobre si, dizendo que tem de fazer algo com urgência ou recomendando que ignore os avisos.

Eis algumas medidas que pode tomar para manter o seu dinheiro em segurança:

  • Suspeite sempre de preços ou ofertas que são "demasiado bons para ser verdade";
  • Compre junto de retalhistas com reputação e que sejam de confiança. Em regra, os URL destes sites devem começar por "https" e não "http". Procure um ícone de cadeado antes do nome do site, o que indica que o mesmo está protegido por um certificado digital;
  • Nunca divulgue PINs, palavras-passe, palavras-passe de utilização única ou dados pessoais por telefone ou chat de apoio online;
  • Consulte análises online para verificar se os sites e vendedores são genuínos e peça para ver artigos de valor significativo em pessoa ou por vídeo, bem como cópias da respetiva documentação para garantir que o vendedor é, de facto, o proprietário do artigo;
  • Compre artigos de marca da lista de vendedores autorizados nos respetivos sites oficiais;
  • Aceda sempre ao site onde pretende efetuar compras ao introduzir o nome diretamente no browser web. Não siga ligações de e-mails ou textos não solicitados;
  • Certifique-se sempre de que termina sessão nos sites;
  • Lembre-se de que os vigaristas poderão pedir para efetuar o pagamento por transferência de dinheiro em vez de efetuar o pagamento com cartão;
  • Se receber uma mensagem da Revolut a informar que o beneficiário não corresponde, interrompa a operação e investigue o sucedido.

Para mais informações sobre fraudes e burlas, e o que fazer se acha que foi vítima de fraude, visite o nosso Centro de Fraude aqui.

Se necessitar de mais aconselhamento ou caso queira consultar um terceiro, eis algumas organizações a que pode recorrer:

  • No Reino Unido - visite o site da ActionFraud, que contém informações sobre outras organizações úteis.
  • EmFrança - visite o site do Banque de France.
  • EmItália - visite o site do Banca d'Italia.
  • EmEspanha - visite o site do Banco de España.
  • EmPortugal - visite o site do Banco de Portugal.